QUEM ENTENDE A DANÇA DO VENTRE NÃO BRIGA POR ELA. LUTA POR ELA!

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Farida e Mahmoud
Mahmoud Reda e Farida Fahmy. Fonte: www.faridafahmy.com/

Olá pessoal.

Embora em alguns dicionários o termo “briga” é colocado como sinônimo de “luta”, vejo em ambos uma diferença brutal.

Na briga, as pessoas são agressivas, descem o nível da discussão, usam argumentos frágeis e desrespeitam a ignorância do outro. A ignorância é uma condição e como tal, pode e dever ser alterada. E quem são os mais indicados, senão nós, para fazer isso pela Dança do Ventre?

Eu também sinto muita raiva quando vejo as pessoas colocando nossa dança num lugar sub-artístico, numa categoria inferior e vulgar. Mas responder de forma grosseira, sem convidar o outro a entender melhor nossa arte, só vai dar “munição ao bandido”. As pessoas fecham-se ao ataque direto ou revidam. O foco se perde e a dança continua estagnada na mente de quem não a conhece de fato.

O preconceito com a nossa dança ainda é muito grande. E eu sou pela luta e não pela briga para mostrar o quanto a Dança do Ventre é artística, séria e complexa. E luta se faz em primeiro lugar, com conhecimento e muito estudo. Entendo que se eu não conhecer com o máximo de profundidade possível, eu jamais terei na ponta da língua, argumentos que convençam e transformem a ignorância do outro. Jamais serei capaz de fazer as pessoas refletirem. E nunca vou ganhar a atenção e o olhar modificado do outro.

Comumente conhecida como Dança do Ventre, as Danças Orientais Árabes são dançadas por homens, por idosos, por crianças, por portadores de deficiência. É transformadora e terapêutica como todas as outras artes. Ajuda no aumento da auto-estima, trabalha o corpo, socializa as pessoas, diverte e educa. Demanda trabalho específico e dedicado. Requer disciplina, estudo teórico (inclusive) e entendimento de uma cultura muito diferente da nossa.

Pra mim, a luta passa pela generosidade, pela educação e pela elegância. Quem sabe, não precisa gritar. E sempre acreditei que o mundo ouve melhor os que falam baixo.

Bjs dançantes!!!! 😉

Banner Sorteio 3 anos