POR QUE PARTICIPAR DE CONCURSOS DE DANÇA DO VENTRE?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Leitores queridos, como foram de fim de semana?

O meu foi mais uma vez repleto de muita Dança do Ventre!!! 😉

Logo às 9 da manhã foi a primeira aula da minha Turma de Folclore Árabe conforme anunciado neste post. Adorei!! (Depois comento e, desde já, convido a todos a vir conhecer esse trabalho). 😉  Depois, durante a tarde e a noite, minhas alunas e eu estivemos envolvidas com o Festival Suad, que também foi comentado aqui neste post.

Mais uma vez fomos agraciadas com o 3º Lugar na Categoria Grupo. Ficamos muito felizes e a alegria e o entusiasmo da minhas alunas, confesso, são o meu maior prêmio. Estavam lindas, parabéns!!!! 😉

Quem me conhece sabe que eu não sou a pessoa mais apaixonada pelos Concursos de Dança que existe na face da terra. Na verdade, quando o assunto é a apresentação das minhas alunas, seja em que evento for, a única coisa que não abro mão é de um trabalho feito com carinho e seriedade e de uma apresentação bem feita, envolvente e curtida. O palco é lugar de aprendizado tal como a sala de aula, portanto, um momento importante e único na formação dos alunos. A premiação ou não é consequência da junção de inúmeros fatores, dos quais, muitos não estão nas nossas mãos. Então, pra mim, não posso tê-la como principal objetivo para participar de concursos.

Não se trata aqui de desmerecer o prêmio ou a opinião dos jurados. Longe disso!!!! Ser premiada é muuuuito gostoso e saber a opinião de pessoas gabaritadas é igualmente rico e incentivador. Mas penso na importância de não perder o foco do próprio trabalho, dos próprios objetivos e das próprias metas. Porque eles é que são dotados de maior significado, uma vez que refletem quem sou e o que valorizo de fato.

A decisão de participar ou não de concursos, é sim uma decisão pessoal e que só tem sentido se eu souber lidar com minhas próprias vitórias e frustrações e assim entender o real valor da participação das minhas alunas. Só vale à pena participar de concursos se eu mesma puder julgar com maturidade e certa distância pessoal, o meu próprio trabalho, sem vaidades, sem falsa modéstia, portanto, com humildade na medida certa. Tarefa difícil, mas possível! Eu acredito nisso!!! 😉

Agradecimentos enormes a todas as minhas alunas que acreditam e confiam em mim como professora e parceira nos passos da dança e da vida.

Super beijo a todos e curtam o vídeo das apresentações das minhas lindas Ghawazee clicando em quaisquer das imagens abaixo!!! (É, lindas sim!!! Sou “professora-coruja” mesmo!!!)  😉

Apresentação de Dança Ghawazee pelo Grupo HOBB AL FANN. Coreografia: Nilza Leão. Foto editada por Mari C.
Grupo HOBB AL FANN. Da esquerda pra direita; Mariana Cetrangolo, Lillith, Nilza Leão, Carla Rosa, Flávia Bittencourt e ao centro, Isis Mesquita.

Banner Sorteio 3 anos