ESTÁ TUDO ERRADO

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

DSC_0063 (2)Olá queridos leitores!

Existe CERTO ou ERRADO na Dança do Ventre? Uns dizem que não, porque não se fala em certo ou errado quando o assunto é arte. Outros alegam que por não sabermos a precisa origem da Dança do Ventre fica complicado julgar.

Eu fico pensando que se não existe certo ou errado na Dança do Ventre, não há o que estudar, não há o que aprender, pois qualquer coisa que se faça com qualquer música árabe, vestindo um figurino qualquer de duas peças, estamos fazendo Dança do Ventre. Tudo é artístico, tudo é permitido e pronto. Apenas sinta a música e dance livremente.

Honestamente não posso compartilhar dessa opinião. Eu nunca estudei as origens do samba, mas sei o que é samba e sei como sambar. Além do mais, temos referências muito próximas do nosso tempo a respeito das diversas modalidades de dança contidas no universo denominado DANÇA DO VENTRE. Referências que nos permitem aprender os passos típicos de cada ritmo, explorar a interpretação do tema proposto e montar o figurino mais adequado para aquela dança.

Assumir o que é certo ou errado na dança é valorizar suas características básicas, identificar e preservar sua personalidade. É respeitar o bom profissional, o bailarino estudioso, além de valorizar o conhecimento e a pesquisa.

E onde fica a criação, a inovação, a licença poética tão desejados nos processos artísticos? Bom, o assunto por si só dá outro post, né? 😉  Mas por enquanto vou resumir dizendo que ele também deve ser fruto de pesquisa e de muito estudo. É fácil distinguir uma bailarina equivocada de uma bailarina criativa e inovadora. Pois inovar pressupõe conhecimento, objetivos e propostas muito claras. Dançar mal e inventar porque não conhece verdadeiramente a dança é outra coisa e definitivamente não convence.

Por uma Dança do Ventre competente, artística e bem embasada, eu não vejo outro caminho a não ser começar a assumir claramente o que vem a ser ERRO e o que vem a ser ACERTO. E isso não tem nada a ver com limitar a expressão do artista ou impedir o seu processo criativo.

Bjs a todos e ótima semana! 😉

Banner Sorteio 3 anos